quarta-feira, 24 de setembro de 2014

Resposta a Luciano Sena, acerca da mudança no tipo de moderação de comentários


Pois é amigo Luciano Sena, quando pessoas acostumadas a frequentar o submundo apologético, aparecem aqui com comentários do tipo, não permita comentários anônimos, ou "Nao perco tempo lendo comentarios do "mr. anonimous white"!" ou, identifique-se Sr. Adventista, ao meu ver torna-se claro o objetivo das exigências do amigo.

Já havia estranhado a sua relação com o Décio e a aparição de comentaristas que fazem apologia a ideologias de blogs como o nitroglicerinapura, justamente na época em que inciou-se tal exigência por parte do amigo.

Deixe-me então mandar um recadinho, para este grupinho dado à este tipo de apologética.

Não há meio de impedirem meu trabalho. Não será sabendo minha identidade que irão "persuadir" este que vos fala.

Pelo contrário, a medida que se dispuserem a "apertar" impedindo meu trabalho, nos blogs e sites que tenho participado, mais e mais será levado ao público o conhecimento acerca dos bastidores desta apologética que tanto tem atacado o adventismo.

Convém em meu trabalho deixar que as pessoas, por si mesmas, os conheçam aos poucos.

Porém me admira Luciano Sena, em apoio à sugestões como esta, do amigo Décio, começar a inquirir com tanta insistência minha identidade, chegando a criar regras absurdas e a atrapalhar os comentários de outras pessoas em seu blog.

Só não me estranha mais do que sua aproximação com o CACP.

Alerto ao amigo que o "blog exadventistas" começou assim, vetando meus comentários, em seguida mudou a forma de moderação e porfim passou a vetar comentários até de outros adventistas.

O amigo está apenas a repetir a mesma fórmula.

Graças à Deus que no caso do blog exadventistas o irmão Editor voltou à razão a despeito dos "conselhos" do irmão Décio.Atitude que está a influenciar até nosso amigo Décio, e louvo a Deus por isto!

Veja por esta perspectiva amigo Luciano Sena. Se o que o amigo tem relatado aqui corresponde à verdade, então não tem o que temer! Pois ao tentar contradizer seus artigos, apenas estaríamos trazendo um monte de mentiras, arruinando qualquer credibilidade que a IASD tenha perante os leitores de seu blog!

Porém, se o que trazemos aqui corresponde à verdade acerca de nossa história e nossas crenças, aí a coisa muda de figura!

A pergunta que se faz é: Os adventistas qui tem trazido a verdade acerca de suas religião bem como suas crenças, ou tão somente um monte de mentiras?

A mentira tem pernas curtas e não seria difícil para o amigo mostrar, de forma clara, através de algum das dezenas de milhares de vídeos contidos na internet que de fato pregamos aquilo que o amigo tem ensinado à seus leitores.

Ou em documentos históricos de imprensa da época que a história do adventismo ocorreu da forma que o amigo tem relatado.

Digo isto porque a IASD tem uma acervo com centenas de materiais da época, além de todas as cartas escritas e tramitadas dos fundadores e co-fundadores da IASD.

Todos os seus escritos, livros e artigos dirigidos à igreja, bem como escritos com testemunhos de pessoas da época que não eram adventistas e que testemunharam os eventos.

Tudo devidamente catalogado e totalmente aberto ao público, bastando se dirigir a um dos Centros White de pesquisa! Ou a uma biblioteca histórica adventista presente em várias escolas e universidades, ou fazer uma visita virtual, ao museu através da internet.

Ou tão somente pedir um DVD contendo TODOS estes materiais, com scanners dos manuscritos ORIGIANAIS!

Oh! Os adventistas tem tudo isto!? Tem sim meus amigos, portanto não se conhece de fato o adventismo em seus mínimos detalhes, quem realmente não quer! Ou fica perdendo ouvindo especulações, mitos e boatos através de blogs mal intencionados, por meio de pessoas que não apenas NÃO CONHECEM O ADVENTISMO, como alguns (não todos) possuem algum tipo de ódio, rancor, mágoa, preconceito ou intolerância de nossa religião por conta de nossas crenças ou nosso estilo de vida.

O que temos trazido aqui é tão somente parte deste conhecimento. Os adventistas são um povo envolvido e devidamente conhecedor de sua origens e dos fundamentos de suas crenças.

Estudamos a Bíblia diariamente, de forma didática, através das lições da Escola Sabatina.

Deste modo não existe adventista ignorante em relação à Bíblia, todos são "incentivados" a estuda-la diariamente e de preferência nas primeiras horas do dia. Coloquei "incentivado" entre aspas porque os professores são bem enfáticos nesta questão (sim temos professores que acompanham os estudos).

Para o adventismo, estudar a Bíblia é coisa séria e essencial!

Nenhum comentário:

Postar um comentário