terça-feira, 18 de outubro de 2016

Batendo um papinho com Luciano Sena


Olá Luciano, creio ser o contrário. Alguns indivíduos correm para tentar impor que a IASD seja uma seita.

Nem todas as igrejas protestantes são consideradas como babilônia, como por exemplo a IASD, pois felizmente, foi dado continuidade à reforma e vários cristãos, das mais diversas religiões, então, conseguiram encontrar as verdadeiras doutrinas.

Deste modo saíram da confusão de várias igrejas, várias denominações, com suas várias doutrinas diferentes, para seguirem um único conjunto de doutrinas e partilharem de uma única igreja.

Ocorre que os demais, ainda não tiveram coragem de se reunirem e definirem as seguras e reais doutrinas cristãs seguindo, então, um mesmo conjunto de doutrinas em uma mesma igreja.

Veja, irmão, embora sejam várias denominações, constituem-se em uma mesma religião, a protestante, dividindo espaço com a católica. O irmão se ofenderia se eu dissesse que são farinha do mesmo saco? Não, não irmão? São todos ortodoxos não é isto?

Veja, eu não ficaria em uma religião onde se tem cair no espírito todos os dias, línguas estranhas ocupando todo o culto, expulsão de demônios todos os dias, dispensacionalismo, abolição da lei. Se isto não é babilônia, não sei o que é, irmão Luciano.

O mais correto é sair da confusão e voltar à Bíblia, junto com irmãos que veem a necessidade de o meio cristão seguir um mesmo e único conjunto de doutrinas.

Saímos da igreja Católica para virarmos várias outras religiões seguindo cada uma uma coisa diferente? Isto é Babilônia irmão. Assim como Deus confundiu as línguas e se tornaram várias, assim também a igreja confundida (a católica), mas não por Deus, se tornou em várias.

E as igrejas que surgiram, continuam protestando até hoje, sem nunca terminar a reforma.

Alguém teve que dar um passo à frente e continuar a reforma, restaurar novamente as doutrinas da igreja apostólicas e, então, se possível congregarem todos em uma mesma igreja.

Todas as religiões foram convidadas a fazer parte do movimento adventista e fazer isto que deveria ter sido feito à muito tempo.

O irmão, por exemplo, está livre para se unir a seus irmãos fazer um plebiscito e acabar com a bagunça de cada um seguir uma coisa diferente, pregando uma política de boa vizinhança baseada em não "incomodar uns aos outros".

O mesmo que ocorria na torre de Babel, irmão Luciano, daí o significado de Babilônia contida na Bíblia.

A antiga babilônia de Nabucodonosor, agrupava todo tipo de crença religiosa e filosófica pagã. Nabucodonosor então decidiu unir todos, construir uma imagem e mandar todos adorá-lo.

O mesmo ocorreu na época de Constantino, unindo a coisa toda e ali, cristãos, Os conservos de Daniel, segundo a nação de Israel, a exceção dos três jovens, se prostraram diante da imagem.

Esta imagem, no tempo de Roma Imperial, foi o domingo e se havia um decreto de homenagens à imagem na época de Nabucodonosor, também houve na época de Constantino. E todos se prostraram diante do venerável dia do sol. E olha que coincidência, este domingo também vinha acompanhado de um decreto de morte.

Mas não, isto tudo se refere a Antíoco, não é isto o que disse o papado na contra reforma, usando escritos apócrifos, irmão Luciano.

O decreto vem aí novamente, as religiões vão se misturar novamente, mas não será como os adventistas fizeram, a fim de resultarem em uma unidade crença. Ao contrário, será por meio de uma união de interesses, especialmente, pelo amparo legal do domingo de culto e adoração e descanso.

Homenagem ao homem, descanso para o homem, pelo bem do homem e de sua família, não são estes os argumentos do papado? Homem, número de homem, onde será que ouvimos isto?

Ué! Dar glória ao homem e não a Deus? Um dia em homenagem ao homem e não a Deus? Humanismo, evolucionismo? Vamos botar tudo na mesma panela, já que estes repudiam a Deus vamos fazer um dia do homem para agradar a todos?

A panela do inferno é espaçosa, irmão Luciano Sena, cabendo todos estes que querem trocar o Dia do Senhor, o sábado, que é também de Cristo, pelo dia do homem! Bonito, não!

Com evolucionismo e humanismo aí fica fácil não é irmão Luciano? Já abarca todos em uma mesma panela, tanto do veio do evolucionismo como do iluminismo, os os dois movimento que surgiram, protestando também contra a igreja.

Agora, vão todos se unir em torno de um única verdade, da palavra de Deus?! Não!

Vão em verdade se unir em torno de um mandamento criado pelo homem e que no futuro será em homenagem ao homem. O mesmo recurso do "Cristo sol da justiça" cristão, sincretizado como o "deus sol" pagão.

Querem realmente tornar o Sábado do Senhor, no sábado do homem.

E, usar o domingo para homenagear a Jesus que é Senhor do sábado? Perseguindo, então, aqueles que guardam o Seu dia?

O irmão quer entender o que é perseguição? Faça o seguinte, comece a fazer aquilo que Cristo fazia, indo de igreja em igreja, pregando a verdade e ensinando aos irmãos a verdadeira doutrina (sim, Cristo fazia isto nas sinagogas e os apóstolos também). Não estou falando de proselitismo, mas sim, ensinar as verdadeiras doutrinas Bíblicas.

Ora, se não vai sofrer a mesma coisa que sofreram os profetas bíblicos!!

Mas, como as igrejas poderão ser perseguidas, aqui no Brasil, por exemplo, onde mais de 80% das pessoas professam crer em Deus, se estas todas se unirem?

Quem vai perseguir estes no Brasil? Os outros 20%? A minoria haverá de perseguir a maioria?

São os ateus? São os espíritas? Espíritas sabemos que não será, porque se há uma religião que procura fazer o bem e que não ensina a fazer mal é a espírita.

Ou será que as religiões não cristãs vão também se unir e invadir o Brasil?

É só o papado conseguir a união de interesses da igreja no domingo. Daí o que acontece? Deixa ver, li isto em algum lugar... Ah, lembrei! Os adventistas tem que fugir das grandes cidades não é isto? E continuar guardando o sábado e trabalhando no domingo, que então é uma lei, o que faz deles então... criminosos?

Podem prender alguns inicialmente, mas 18 milhões!? Fazer então o quê? Persuadir? Ameaçar? Sabotar de forma que não consigam comprar nem vender até que passem a respeitar a lei do domingo?

Mesmo assim mão conseguiram? Faz-se o que então? Revoga a lei? Não, isto é impossível. Aí o sistema falha, porque muitos influenciados também não querem guardar o sábado e começam a debandar. 20 Milhões agora são 30, 40, 50.. quem sabe.

São 18 milhões, irmão luciano, fora batistas, judeus, dentre outros e os não sabatistas que também não se agradarão com a idéia de misturar religião e estado.

Mas o papa não vai conseguir unir as igrejas e implantar um decreto dominical que já tenta a vários anos, não é isto!?

Simples então, irmão, é questão de torcer para não sair o decreto, porque unidos por meio do domingo, as igrejas já estão, mas não. Quando o papado conseguir, as igrejas vão dizer! Não, não queremos não, pode deixar o domingo do jeito que está, não precisa resguardar legalmente.

Pois é irmão, Luciano, mesmo não crendo no que os adventistas tem avisado, no ponto em que estamos, vai ocorrer. Saiu o decreto, 18 milhões de pessoas estarão deixando a cidade grande, diferente da época de carnaval, para não mais voltar.

Profecia, ou coincidência, irmão Luciano? Ou será que com o seu método bem como o do CACP, vão convencer os adventistas a não saírem da cidade quando chegar o tempo?! Ou será que ao invés disto, o que os amigos tem feito apena tem criado o ódio necessário para a perseguição dos infratores?

As profecias Bíblias interpretadas inclusive por Ellen White, já estão todas posicionadas!

Ecumenismo, decreto dominical, a Igreja Adventista do Sétimo Dia no estado em que EGW disse que estaria.

Falta agora apenas o decreto, que virá depois do derramamento da chuva serôdia, que resulta no término da pregação do evangelho a todo o mundo.

Então, se não crêem que EGW era profeta, deverão crer, pelo menos que seja adivinha.

Dois mil sonhos e visões e o máximo que conseguiram juntar seriam 12 profecias aparentemente não compridas, todas estas refutadas pelas próprias fontes originais, que contradizem a proposição dos acusadores não carecendo de explicação, apenas uma leitura do capítulo ou até mesmo, tão somente do parágrafo inteiro.

Estranho, não?! Um falso profeta acertar tanto assim! Adivinhar tanto assim, inclusive os motivos alegados e os termos exatos que usariam como "dia da família".

Mas é falsa profetiza não é! Porque era contra domingo, imortalidade da alma.

Essa é a igreja de EGW, olha o sucesso! Bem como as demais instituições fundadas por ela, livros premiados, bastante homenageada, uma das 100 personalidades mais importantes da história dos EUA. E olha o que falam dela aqui no Brasil, não é irmão Luciano? Uma igreja que foi parabenizada por presidente e primeira dama. Só aqui no Brasil que a igreja vira seita não é irmão Luciano?

Com esta babilônia de religião, tem que ser seita mesmo, porque para uma igreja se harmonizar com todas as crenças divergentes, é jogar a Bíblia fora e ir no "uni-duni-tê".

Se um adventista for escolher uma igreja, qual princípio deverá usar? Dos males o menor?

Fica difícil, não, irmão Luciano? Essa qui tem a dupla predestinação diabólica calvinista, esta aqui tem o cair no espírito e rolar no chão estrebuchando e fazendo coisas esquistas, a outra tem o falar em línguas. Bem se é para seguir doutrinas não Bíblica, vamos voltar para a católica, não é mesmo, porque se a ICAR que desde muito tempo já crê na salvação pela graça por ventura vier a se perder pelo fato de possuir falsas doutrinas, vai junto as igrejas protestantes neste saco, a menos que consigam se limpar todas de suas falsas doutrinas.

Mas se fizerem isto, não haverá necessidade de escolher uma religião, porque haverá uma única religião, a verdadeira, por suposto, com as verdadeiras e somente as verdadeiras doutrinas da igreja apostolica, em contraste com a Adventista, não é isto!?

Deixe eu "profetizar" ao irmão o que vai acontecer, já que profetizar hoje está na moda.

Vão deixar de protestar contra a ICAR o que já não fazem a muito tempo, se unindo então a ela, para protestar, agora contra a Igreja Adventista do Sétimo Dia.

Entrar em um consenso acerca de doutrinas não querem não, não é mesmo irmão Luciano?

Diga então que é impossível, se unirem, em um mesmo corpo de doutrina! Tendo o saber de que a IASD foi resultado disto.

Uma dica para o irmão: Peça para Deus enviar um profeta, um verdadeiro, fazendo milagres e maravilhas, provando que é de Deus, para que, como era feito comumente na antiguidade, este profeta trate de unir o povo e botar tudo novamente nos caminhos de Deus em uma unidade de crença.

Só torça para que Ellen White já não tenha sido este profeta, enviado por Deus, justamente para este propósito. Porque senão a IASD será resultado deste trabalho já feito. E o pior é que, se assim o for, o próximo que virá, não será de Deus e oh, sim, este vai agradar a muitos, confirmando a veracidade do domingo, como dia do Senhor, da imortalidade da alma e tudo mais que agrade ao gosto do público.

E temos realmente que ser seita, irmão, já pensou!? Ao falarmos que somos evangélicos, as pessoas pensarem que caímos no espírito e giramos, como se faz em terreiros de umbanda, falando línguas estranhas, uivando feito cachorro, com unção e expulsão de demônio de todo tipo?

Isso sim dá medo! E não o ser conhecido como pessoas que comem só alface, não trabalham no sábado e que acreditam que os mortos ficam dormindo no tumulo até a volta de Cristo.

Seita herética e perigosa irmão! Vai que atacam pessoas enfiando-lhes alface nas orelhas e arrastando-os à força para assistir um culto no sábado abolido (olha que perdição)!

E cuidado com a igreja adventista, irmãos! Eles tem mania de levar pessoas doentes para o hospital e tratar delas (pode isso!?), levar par a escola e ensinar inglês e matemática (que crueldade)!

E assim, somos uma seita perigosa, que deixam as pessoas em boa saúde, descansadas, com boa educação, lendo a Bíblia todos os dias, olha que terrível! Realmente uma seita e das mais perigosas viu!

Nenhum comentário:

Postar um comentário