quinta-feira, 9 de julho de 2015

Comentário - E a lembrança do seu tormento sobe para todo o sempre

“E a fumaça do seu tormento sobe para todo o sempre; e não têm repouso nem de dia nem de noite os que adoram a besta e a sua imagem, e aquele que receber o sinal do seu nome.” Ap 14.11

Fumaça no verso tem o simbolismo de lembrança:

Fora das portas de israel existia um lugar onde os corpos de criminosos eram depositados e queimados (Gehenna, ou vale do Hinnom). Sendo esta visão utilizada por Jesus acerca do castigo dos ímpios.

http://www.theopedia.com/Gehenna

Os hebreus não tinham a visão grega de que existiria um lugar onde almas seriam atormentadas eternamente. A visão que os hebreus tinham é justamente a exposta no link acima.

Os corpos naquela localidade também queimavam de dia e de noite e tendo sido consumidos, sua fumaça continuava a subir dentre as cinzas.

Portanto devemos utilizar a visão hebraica e o evento do qual se originou as comparações de Jesus, ao invés de utilizarmos, é claro, uma visão grega, que apresenta um inferno de castigo eterno.

2 comentários:

  1. Irmão Sr. Adventista, os imortalistas preferem ficar presos a filosofia grega.

    Como se diz a seguinte frase ( a ignorância é atrevida).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, querido irmão, e sabemos disto quando ignoram estas informações e nem tocam no assunto. Quanto menos, PREGAM em suas igrejas. O que ocorre também com o sábado, mantendo nossos irmãos na ignorância, que é a maior arma para a continuação destes ensinos da imortalidade da alma e do domingo.

      Excluir