domingo, 20 de setembro de 2015

A dívida que tínhamos para com a Lei

Cristo veio para pagar a dívida
e não para remover a Lei

+Seguidor da Palavra E o irmão costura estes versos como uma colcha de retalhos, como que parecendo que isoladamente tenham o sentido que o irmão propõe? FIM, nos versos que o irmão citou tem sentido de FINALIDADE. Te ensinaram de que o sacrifício de Cristo removeu a lei E NÃO a condenação que a lei trazia sobre cada pecador. Te ensinaram de que Cristo removeu a lei e E NÃO a nota promissória sobre cada justo salvo antes da morte de Cristo na Cruz. Te ensinaram de que a Graça veio para substituir a lei. O problema nunca foi a lei, mas o pecado e a condenação. São estas duas últimas e não a primeira, que Cristo veio para remover. Em primeiro lugar, Cristo removeu a condenação da Lei e quando vier novamente, removerá o pecado, a lei porém ficará intacta: "Não cuideis que vim destruir a lei ou os profetas: não vim abrogar, mas cumprir." (Mateus 5:17) Diz ainda: "Porque em verdade vos digo que, até que o céu e a terra passem, nem um jota ou um til jamais passará da lei, sem que tudo seja cumprido." (Mateus 5:18) Paulo cita a Lei a todo instante porque é ela, a Lei, que nos cobra a cada instante por nossas dívidas. Isto é, COBRAVA! Porque Cristo pagou a dívida e portanto estamos livres dela! DA LEI? Não! DA DÍVIDA que ela, a lei, nos cobrava. E pagando-se a dívida, foi-se embora a nossa condenação, isto é, para aqueles que aceitaram a Cristo. Mas na Lei não se mexe, querido irmão, ela é imutável, irrevogável! É por isto que estas declarações de Paulo não contradizem nem revogam o que ele mesmo diz acerca da Lei em outros pontos de suas cartas. E não contradizem nem revogam aquilo que foi dito por Cristo de que aquele que ama a Deus guarda os seus mandamentos. Porém os olhos espirituais daqueles que não querem guardar a lei estão fechados e não conseguem distinguir os vários aspectos, condenatórios e de cobrança de dívida, que a própria Lei trazia consigo. Este efeito porém, de condenação e cobrança, sobre cai apenas àqueles que estão EM PECADO e que antes era toda a humanidade. "Eis que em iniqüidade fui formado, e em pecado me concebeu minha mãe." (Salmos 51:5) Porém, aos anjos e qualquer criatura que nunca pecou, a Lei é Santa Justa e Boa: "E assim a lei é santa, e o mandamento santo, justo e bom." (Romanos 7:12) E a lei se tornou em boa para nós, nesta nova aliança, porque a condenação foi removida e a dívida que tínhamos, foi paga. Então vivemos com a certeza a salvação. Mas não porque a lei foi removida, mas porque a condenação que ela trazia sobre nós foi removida, uma vez que nossa dívida para com Deus foi paga. E o que se faz com a Lei, nesta nova aliança querido irmão? "Porque esta é a aliança que depois daqueles dias Farei com a casa de Israel, diz o Senhor; Porei as minhas leis no seu entendimento, E em seu coração as escreverei; E eu lhes serei por Deus, E eles me serão por povo;" (Hebreus 8:10) Vivemos então em paz para com a Lei. E não matamos, não furtamos, não adulteramos, nem transgredimos principio moral algum expresso na Palavra de Deus. E guardamos os Santo Sábado, porque isto agrada a Deus: "Porque assim diz o Senhor a respeito dos eunucos, que guardam os meus sábados, e escolhem aquilo em que eu me agrado, e abraçam a minha aliança:Também lhes darei na minha casa e dentro dos meus muros um lugar e um nome, melhor do que o de filhos e filhas; um nome eterno darei a cada um deles, que nunca se apagará.E aos filhos dos estrangeiros, que se unirem ao Senhor, para o servirem, e para amarem o nome do Senhor, e para serem seus servos, todos os que guardarem o sábado, não o profanando, e os que abraçarem a minha aliança,Também os levarei ao meu santo monte, e os alegrarei na minha casa de oração; os seus holocaustos e os seus sacrifícios serão aceitos no meu altar; porque a minha casa será chamada casa de oração para todos os povos." (Isaías 56:4-7) E assim não abolimos a lei pela fé, mas estabelecemos a lei. Porque a Lei é santa, justa e boa, o pecado que é terrível. E ao olhar para ela, hoje vemos a imagem de Cristo na Cruz com a certeza de que toda a nossa dívida foi paga. Então vivemos em tranquilidade diante da Lei.

Nenhum comentário:

Postar um comentário