segunda-feira, 28 de setembro de 2015

O que foi removido em 2 Coríntios 3:14

O problema é este todas as Escrituras tanto Antigo quanto Novo testamento deveriam apontar para o término da Lei. Entretanto isto é encontrado, como o irmão disse em vários versos, porém dispersos e que o catolicismo e protestantismo tradicional não entende como uma revogação da Lei. E II Co 3:14 diz que o véu será retirado e não a Lei de Moisés que está no verso 15. E sendo que o véu não é a Lei, do que se tratava o véu? Trata-se do véu que dificultava o ENTENDIMENTO. "Mas os seus sentidos foram endurecidos; porque até hoje o mesmo véu está por levantar na lição do velho testamento, o qual foi por Cristo abolido;E até hoje, quando é lido Moisés, o véu está posto sobre o coração deles. Mas, quando se converterem ao Senhor, então o véu se tirará." (2 Coríntios 3:14-16) Um cumprimento nos próprios apóstolos de Cristo: "Então abriu-lhes o entendimento para compreenderem as Escrituras." (Lucas 24:45) Este entendimento é no que concerne a Cristo e Sua missão: "E, começando por Moisés, e por todos os profetas, explicava-lhes o que dele se achava em todas as Escrituras." (Lucas 24:27) E cristo nos orientou: "Examinais as Escrituras, porque vós cuidais ter nelas a vida eterna, e são elas que de mim testificam;" (João 5:39) E um bom exemplo: "Ora, estes foram mais nobres do que os que estavam em Tessalônica, porque de bom grado receberam a palavra, examinando cada dia nas Escrituras se estas coisas eram assim." (Atos 17:11) Apenas isto, querido irmão, o verso de II Co 3:14 não está terminando com a Lei, pelo contrário, está nos ensinando a importância de se compreender as Antigas Escrituras, para a causa de conhecer as coisas concernentes ao ministério de Cristo, pois como o irmão disse: "O AT é válido, tem muita coisa a ser aprendida e praticada". "Toda a Escritura é divinamente inspirada, e proveitosa para ensinar, para redargüir, para corrigir, para instruir em justiça;" (2 Timóteo 3:16) Um abraço, fique com Deus.

3 comentários:

  1. A primeira coisa que precisas saber é que não existe por Deus a divisão Novo e Velho Testamento, de Genesis a Apocalipse nós temos simplesmente a "Palavra de Deus", essa divisão foi feita basicamente em nossas era por questões didáticas e etc. A segunda coisa é que quando Paulo escreveu o livro de corintios não existia a divisão biblica "Velho Testamento" muito menos "Novo Testamento" isso é muito evidente. Logo conclui-se que Paulo não se refere aos livros que nós hoje chamamos de "Antigo Testamento" mas se refere a um testamento que concederia uma herança. O velho testamento trazia a herança de canaã o novo testamento traz como herança a canaã celestial.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, irmão Josue, Os escritos de Moisés e os profetas eram as Escrituras existentes no tempo de Paulo.

      Um abraço.

      Excluir
  2. Isso se confirma claramente em Hebreus 8:6 "Mas agora alcançou ele ministério tanto mais excelente, quanto é mediador de uma melhor aliança que está confirmada em melhores promessas. Observe que um ministério MAIS EXCELENTE, mostra uma MELHOR ALIANÇA consequentemente uma MELHOR PROMESSA. Agora depois de ter lido observe essa parte: E até hoje, quando é lido Moisés, o véu está posto sobre o coração deles. Nós bem sabemos que até hoje alguns esperam a vinda do Messias que já veio mas não aceitam, ou seja eles ainda desejam de certa forma a canaã terrestre. Dai dizer o véu esta posto sobre o coração deles.

    ResponderExcluir