quinta-feira, 12 de novembro de 2015

O sábado era só para israelitas?

Mentiras de satanás:
Dizer de que o sábado é doutrina criada por homens e não por Deus (Ezequiel 20:12);
Dizer de que o sábado foi dado só para israelitas e não para o homem (Gênesis 2:2-3, Marcos 2:27);
Dizer de que o sábado é oriundo de adventistas, quando há várias igrejas que igualmente guardam em ensinam sobre o sábado;
Dizer de que o sábado é ensinamento de Ellen White, enquanto sabem de que o sábado é um ensinamento Bíblico;
Dizer de que um dos 10 mandamentos não é para a igreja de Cristo, enquanto o Seu fundador, Cristo, bem como seus apóstolos e discípulos jamais deram mal exemplo de transgressão do sábado nas Escrituras;
O irmão tem algo contra ESTUDAR o princípio do sábado de descanso nas Escrituras? Existe algo nas Escrituras que um cristão não deva estudar?
Eis algumas verdades:
O sábado foi criado para a humanidade, no Gênesis!
Jesus guardou o sábado e ensinou a guardá-lo da forma correta!
Jesus declarou que o sábado foi criado por causa do homem, lá no Gênesis!
Isto está contido nos ensinamentos da católica, da Batista, da Metodista, da Presbiteriana, da Assembléia de Deus e demais igrejas.
A única diferença, nestes quesitos, é de que acreditam de que o dia de guarda foi mudado do sábado para o domingo, por ocasião da morte de Cristo (não creem de que o sábado foi abolido, isto é crença de alguns cristãos desinformados e que não estudam de fato a Bíblia a fundo e se prendem a teorias e especulações que aprenderam com aqueles que ensinam de que o sábado ou os mandamentos de Deus teriam sido abolidos em prol da graça, mesmo contrariando Romanos 3:31.
Os cristão, nestas igrejas tradicionais, porém, em sua imensa maioria igualmente creem na:
Validade do mandamento de descanso (com a diferença de que a maioria considera de que o dia foi mudado do 7º para o 1º dia);
Irrevogabilidade do princípio de descanso uma dia na semana;
Portanto se o irmão for acusar o adventismo de pregar “doutrinas oriundas de homens”, terá que acusar também todas estas igrejas! E, assim, creio que o irmão realmente não sabe o que diz.
Jesus não ordenou a guardar só o sábado, em especial, nem os apóstolos, mas e daí?
Jesus ordenou a guarda dos mandamentos de Deus que sempre foram 10 e não 9 ( Mateus 19:17), guardou o sábado e ensinou a guardá-lo corretamente (Mateus 12:12); Tendo ainda recomendado que os cristãos se preocupassem com o sábado, 40 anos depois de sua morte na profecia sobre a invasão de Jerusalém (Mateus 24:20);
Maria, mãe de Jesus e demais discípulos continuaram a guardar o sábado, mesmo após a morte de Cristo (Lucas 23:56). E viveram ali entre os judeus por vários anos (Atos 1) e pelo que eu saiba, nenhum destes foi apedrejado por profanarem o sábado nalgum dia.
Em consenso, Pedro e Paulo declararam, em concílio, de que a Lei de moisés continuaria sendo ensinada aos gentios aos sábados nas sinagogas (Atos 15:21) o que se cumpria em cada cidade (Atos 13:44).
O livro de Apocalipse, ainda nos diz de que os mandamentos DEVEM continuar a ser guardados (Apocalipse 22:14) (Apocalipse 14:12).
Sabe quem está irado contra os mandamento de Deus, querido irmão? Leia Apocalipse 12:17.
Ninguém perde por estudar coisa alguma das Escrituras, pelo contrário, quem perde é quem não estuda e acaba se guiando por teorias e ventos de doutrinas que não se firmam na Palavra de Deus que é toda a Bíblia, desde o primeiro capítulo de Gênesis até o último livro de Apocalipse.
Por isto digo que não se confie no que eu digo nem no que qualquer pessoa diga, mas que se examine as escrituras para ver se, de fato, as coisas são realmente assim (Atos 17:11).
* Detalhe de que a Bíblia que os Bereanos utilizavam naquela época para validar as palavras de Paulo e demais apóstolos eram as Antigas Escrituras (óbvio porque o Novo Testamento ainda não havia sido escrito). Prática constante no dia de sábado (Atos 17:2), como Cristo fazia (Lucas 4:16).
Onde foi que Cristo declarou de que não se deveria mais seguir o costume de ir todos os sábados às sinagogas para ler as Escrituras (AT) (João 5:39)?
Onde foi que Paulo ensinou de que coisas como o sábado não deveriam ser estudados nas Escrituras (2 Timóteo 3:16)?
Onde foi que Paulo declarou de que havia nos mandamentos de Deus, algum deste que não era bom (Romanos 7:12)?
Onde foi que Paulo declarou de que não tinha prazer em guardar algum dos mandamentos (Romanos 7:22)?
Onde foi que a Bíblia declarou de que Cristo ou Paulo transgrediram o sábado da lei seguida pelos judeus (João 18:38),(João 19:4),(Atos 25:8)?
O que NÃO vejo na Bíblia é exemplo de alguém transgredindo o mandamento do sábado, ou deixando de lado o costume de Pregar a Palavra de Deus neste dia.
Nunca se pegou Paulo transgredindo o sábado nas várias semanas em que trabalhava (Atos 18:3-4);
Nem em viagem (Atos 20:7);
Nem em solo não judeu(Atos 16:13);
E no conflito pessoal servia à Lei de Deus (Romanos 7:25);
Cristo não veio trazer mudanças que revogassem qualquer dos mandamentos:
“Não cuideis que vim destruir a lei ou os profetas: não vim abrogar, mas cumprir.” (Mateus 5:17)
Se auto-interpretou:
“Porque em verdade vos digo que, até que o céu e a terra passem, nem um jota ou um til jamais passará da lei, sem que tudo seja cumprido.” (Mateus 5:18)
E advertiu:
“Qualquer, pois, que violar um destes mandamentos, por menor que seja, e assim ensinar aos homens, será chamado o menor no reino dos céus; aquele, porém, que os cumprir e ensinar será chamado grande no reino dos céus.” (Mateus 5:19)
E reiterou (Mateus 19:17):
“Porque vos digo que, se a vossa justiça não exceder a dos escribas e fariseus, de modo nenhum entrareis no reino dos céus.” (Mateus 5:20)
E repetiu novamente a João em Apocalipse 22:14;
Conclusão:
A Lei não salva, mas Cristo não levará para o céu aqueles que, estando salvos, transgridem de forma consciente e deliberada os mandamentos de Deus:
“Porque este é o amor de Deus: que guardemos os seus mandamentos; e os seus mandamentos não são pesados.” (1 João 5:3)
No que declarou:
“Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus.” (Mateus 7:21)
E o motivo do aviso:
“Muitos me dirão naquele dia: Senhor, Senhor, não profetizamos nós em teu nome? e em teu nome não expulsamos demônios? e em teu nome não fizemos muitas maravilhas?
E então lhes direi abertamente: Nunca vos conheci; apartai-vos de mim, vós que praticais a iniqüidade.
Todo aquele, pois, que escuta estas minhas palavras, e as pratica, assemelhá-lo-ei ao homem prudente, que edificou a sua casa sobre a rocha;” (Mateus 7:22-24)
Princípio correto estudo das Escrituras:
“Sola Scriptura e Tota Scriptura”
“Tota” significa tudo aquilo que é ensinado tanto no Antigo quanto no Novo Testamento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário